Clichês: um terror mais ou menos evitável

com Cíntia Moscovich

Quem escreve busca sempre sua melhor expressão. O clichê e os lugares-comuns, sedutores e traiçoeiros, podem, no entanto, comprometer à morte textos elaborados com todo o capricho. Para aparelhar os interessados por literatura (e amantes da arte de forma geral), a escritora Cíntia Moscovich destaca neste curso os principais chavões da linguagem e das estruturas narrativas, construções nem sempre percebidas à primeira vista. Trata-se de uma imersão no mundo da banalidade e das soluções de facilidade, numa experiência terrível e divertida, tudo ao mesmo tempo.

Datas: 17, 24, 31/7 e 7/8/24 (sextas-feiras)
Horário: das 19h às 21h
Valor: 3x R$ 120,00 (no cartão de crédito)

Carga horária: 8 horas

+

Sobre o curso

Programa:

•Aula 1
Clichês e o kitsch
Clichês do cinema americano
Cacoetes de linguagem

• Aula 2
Uma breve história do horror: da jarra de abacaxi à Monalisa
Os romances de banca e a curva do herói: escrevendo exclusivamente com clichês7

Aula 3
Leitura ao vivo e em cores da produção realizada
Uma sessão espírita e a desobsessão dos clichês

Aula 4
Quando os clichês podem ser produtivos: o humor e a ironia (Chico Buarque, Luis Fernando Verissimo, Claudia Tajes)

Professor(a)

Cíntia Moscovich

Cíntia Moscovich É escritora, jornalista e mestre em Teoria Literária, com especialização na área de oficinas de criação literária. Autora de oito livros individuais, entre os quais "Por que sou gorda, mamãe?” e "Essa coisa brilhante que é a chuva", mereceu os prêmios Açorianos (Secretaria Municipal da Cultura), Jabuti (Câmara Brasileira do Livro), Portugal Telecom e Clarice Lispector, da Fundação Biblioteca Nacional.

Facebook IEL Instagram IEL Youtube IEL